Em busca de um novo diretor de marketing, o Vasco tentou a contratação do ex-diretor de marketing do Botafogo, Marcelo Guimarães, porém um acordo não foi firmado.

Marcelo se reuniu com o atual vice-presidente de marketing cruz-maltino, Victor Ferreira, mas repassou o convite por estar, entre outras coisas, envolvido com um projeto político ligado a sucessão presidencial no Botafogo. As eleições no Alvinegro acontecerão em novembro deste ano.

Procurado pela reportagem do LANCE!Net, Marcelo Guimarães confirmou ter recebido proposta do Vasco e deu detalhes sobre sua definição.

– Foi uma honra ser lembrado por mais um grande clube brasileiro. Tenho enorme consideração pelo Vasco e desejo muita sorte ao atual vice-presidente do clube, que me deixou uma excelente impressão. Porém, meu momento me impediu de seguir adiante – disse Marcelo, que também comentou profundamente sobre seus projetos.

– Além do lançamento do meu livro sobre gestão e marketing em clubes de futebol, em março, de minhas palestras, e de minhas relações com o mercado do marketing esportivo como um todo, há o projeto sucessório ligado ao Botafogo, que hoje é uma prioridade em minha vida pessoal e profissional – destacou o empresário.

O projeto citado envolve um grupo de mais de 50 botafoguenses, que têm se reunido para discutir um projeto capaz de suceder o atual ciclo do presidente Mauricio Assumpção.

– Quando concebemos esses encontros, tivemos duas motivações básicas: a primeira é a de que entra ano e sai ano o clube avança, mas não decola. A segunda é a de que as mudanças no clube precisam começar pela lógica sucessória, que se ocupa exclusivamente em prever uma espécie de rodízio presidencial. Um pequeno grupo se reúne previamente e decide qual o candidato e, depois, é o que temos visto: o clube avança, mas não decola. Acho que chegou a hora de discutirmos projetos e não nomes – declarou Marcelo Guimarães.

Fonte: Lancenet!