Xodó do Bota, Hyuri elogia passe decisivo de Edílson: ‘De gênio’

Compartilhe:

Aos 44 minutos do segundo tempo, Edílson pegou a bola na intermediária de defesa, carregou até um pouco depois do meio do campo e lançou para Hyuri fazer o gol da vitória por 1 a 0 sobre o Corinthians, quarta-feira, no Maracanã. Seria mais uma jogada, não fosse o fato de o lateral ter olhado para um lado e tocado para o outro.

O lance lembrou os passes protagonizados por Ronaldinho Gaúcho, especialmente, no período mágico em que defendeu o Barcelona. Hyuri fez elogios rasgados a Edílson e não mediu palavras para descrever a jogada.

– Dei um abraço nele depois do gol e agora também. Foi um passe de gênio. Ele soube colocar a bola entre dois marcadores e me deixar na cara, no tempo certinho para poder finalizar – disse Hyuri, novo xodó da torcida do Botafogo.

Edílson recebeu os elogios com carinho e retribuiu, lembrando que o posicionamento de Hyuri foi fundamental para a realização da jogada. O atacante se colocou em condição na linha dos defensores do Corinthians, evitando o impedimento.

– Eu me orgulho pelo passe, mas se ele não tivesse feito o movimento certo, a bola também não seria perfeita e o gol não sairia. Fico feliz por ter acertado e da maneira que foi, pela importância do jogo. No contexto geral, acho que ficou quase perfeita a jogada – brincou Edílson.

A jogada pode ter sido surpresa para quem estava acompanhando o confronto. No entanto, Edílson garantiu que já fazia desde as categorias de base, respeitando a originalidade de Ronaldinho Gaúcho.

– Em outros jogos e treinos costumo usar, independentemente do placar. Ronaldinho fazia bastante, e não quero comparar com a jogada de ninguém. Ronaldinho é gênio. Eu apenas acertei um bom passe – afirmou o lateral.



Fonte: Globoesporte.com
Comentários