Árbitro não marca pênalti claríssimo para o Botafogo contra o Brasil-RS e expulsa Barreto logo depois

24 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Marco Antônio em pênalti não marcado para o Botafogo contra o Brasil-RS
Reprodução/Premiere

Mesmo já com o acesso conquistado, o Botafogo segue duramente prejudicado pela arbitragem na Série B. O juiz Alisson Sidnei Furtado (TO) não marcou um pênalti claríssimo do zagueiro Leandro Camilo, que fez “uma defesa” e “espalmou” para escanteio após chute de Marco Antônio.

O pior é que o VAR não chamou o árbitro. Para o comentarista Paulo Cesar de Oliveira, da Central de Apito (Premiere) deveria ser marcado o pênalti, com cartão amarelo para Leandro Camilo.

– A bola resvala no braço direito, mas pega também na mão esquerda. Mesmo resvalando no braço direito, como o braço esquerdo está numa situação pré-estabelecida em ação de bloqueio, deveria ter sido solicitada a revisão do lance pelo VAR e marcado o pênalti, com cartão amarelo para o Leandro Camilo – explicou PC

Logo na sequência da partida, após um lançamento longo, Barreto chegou por trás e fez falta em Poveda, que se preparava para finalizar. O árbitro deu amarelo, mas mudou de opinião após ser chamado pelo VAR.

Notícias relacionadas