Botafogo é condenado a pagar R$ 630 mil a Victor Rangel por salários atrasados

59 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Victor Rangel em Bahia x Botafogo | Campeonato Brasileiro 2019
Vítor Silva/Botafogo

O Botafogo foi condenado pela Justiça do Trabalho a pagar cerca de R$ 630 mil ao meia-atacante Victor Rangel por salários e outros direitos atrasados referentes à passagem pelo clube entre 2019 e 2020. A informação é do jornalista Matheus Mandy.

Victor Rangel alega não ter recebido os salários de novembro e dezembro de 2019, quando atuou pelo clube, e março e abril de 2020, quando esteve emprestado pelo Botafogo ao Santa Cruz. A defesa do jogador argumenta que era o Alvinegro o responsável por pagar parte dos salários durante o empréstimo ao clube pernambucano.

A cobrança também envolve férias, décimo-terceiro salário, multa, verbas rescisórias, FGTS e honorários advocatícios. Cabe recurso ao Botafogo.

Victor Rangel fez apenas 14 partidas com a camisa do Glorioso, em 2019. Atualmente, ele defende as cores da Ferroviária na disputa da Série D do Campeonato Brasileiro.

Fonte: Redação FogãoNET e Twitter do jornalista Matheus Mandy

Notícias relacionadas