Botafogo forma Comitê de Transição da SAF com CEO, assessores de John Textor e mais dois; investidor pretende manter Jorge Braga

0 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Jhon Textor com os consultores Danilo Caixeiro e Thairo Arruda no Estádio Nilton Santos, do Botafogo
Vítor Silva/Botafogo

O Botafogo já definiu o Comitê de Transição para comandar a SAF (Sociedade Anônima do Futebol) até a entrada em definitivo da Eagle Holdings, do empresário americano John Textor. Segundo o site “GE”, os nomes escolhidos são: CEO Jorge Braga, advogado André Chame e controller Alessandro Langone, além dos assessores de Textor, Thairo Arruda e Danilo Caixeiro, da Matix Capital.

A previsão é que a transição dure no máximo 60 dias, podendo ser finalizada em 40.

Ainda de acordo com o “GE”, é incerta a permanência de Jorge Braga no Botafogo após a transição. Textor pretende manter o CEO por mais tempo, mas as conversas ainda não foram aprofundadas.

Fonte: Redação FogãoNET e GE

Notícias relacionadas