Botafogo é ‘garantia’ de empréstimo para compra do Lyon? John Textor explica situação

212 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Botafogo é ‘garantia’ de empréstimo para compra do Lyon? John Textor explica situação
Reprodução/Globo

O Botafogo realmente foi dado como garantia para o empréstimo que John Textor fez para adquirir o Lyon? A entrevista concedeu pelo investidor americano ao “L’Équipe’ esta semana gerou certa preocupação em torcedores botafoguenses. Mas o próprio empresário explicou a situação a “O Globo”.

Segundo Textor, para vencer a licitação e se aproximar de adquirir 66% das ações do Lyon, era preciso apresentar comprovantes de que possuía o valor necessário. Então, o caminho foi obter uma linha de crédito temporária com a Cannae Holding, de Bill Foley, no valor de até 523 milhões de euros (cerca de R$ 2,8 bilhões), para a Eagle Football (empresa de investimentos no futebol de Textor).

Não há é exatamente um empréstimo, mas uma forma de comprovação de ter a verba necessária. Após a negociação para a compra do Lyon ser concluída, caso haja uma dívida futura de John Textor com Bill Foley, será sobre a Eagle Football, não sobre a SAF Botafogo.

Textor garante que, caso haja parceria, será em cima das ações da Eagle Football. A Cannae viraria sócia da empresa do americano ou de algum clube, não especificamente o Botafogo, podendo ser até o próprio Lyon.

John Textor pode ainda obter, junto a outros investidores, verba para adquirir o Lyon sem precisar da linha de crédito da Cannae. Ou podendo usar apenas parte dela. A possibilidade de bens ativos, como a SAF Botafogo, serem usados como garantia de pagamento é considerada difícil.

Fonte: Redação FogãoNET e O Globo

Notícias relacionadas