Comentarista fica perplexo com novos erros contra o Botafogo e destaca não expulsão: ‘Jogador do Brasil-RS ficou até feliz’

37 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Cartão amarelo para Arthur Henrique - Botafogo x Brasil-RS
Reprodução/SporTV

André Loffredo, comentarista do SporTV, mostrou estupefação com novos erros de arbitragem contra o Botafogo na vitória em cima do Brasil-RS por 1 a 0 neste domingo, no Estádio Nilton Santos.

O Glorioso teve dois pênaltis a seu favor ignorados, e o árbitro Thiago Luis Scarascati (SP) não expulsou Arthur Henrique numa situação clara de gol, ao puxar Diego Gonçalves.

– O Botafogo tem razão em reclamar e não é desse jogo. As decisões da arbitragem algumas você pode contestar, mas quase todo jogo tem decisão contrária ao Botafogo de maneira que dá para contestar – afirmou Loffredo no “SporTV News”, destacando o lance da não expulsão:

– A expulsão não tem nem como interpretar. Se o jogador (Diego Gonçalves) não está numa clara e manifesta chance de gol, então não estaria em nenhuma situação. O jogador do Brasil de Pelotas (Arthur Henrique) ficou até feliz com o cartão amarelo, quase abraçou o árbitro.

Em relação aos pênaltis, André Loffredo disse que o primeiro (puxão de Oliveira em Pedro Castro) foi mais claro do que o segundo (toque no braço de Leandro Camilo).

– O Pedro Castro é puxado de uma maneira muito clara. Não tem VAR, mas é um pênalti que provavelmente o VAR pegaria. O toque de mão dá para contestar, é o lance mais contestável de interpretação, porque é uma distância curta, bola em velocidade, embora o braço estivesse lá em cima… Mas, para mim, foi pênalti. São erros que se repetem rodada a rodada – opinou.

A CBF vai implementar o VAR a partir do segundo turno da Série B, que já começa no próximo fim de semana. Ainda sem árbitro de vídeo, o Botafogo enfrenta o Guarani nesta quarta-feira, às 19h, em Campinas, pela 19ª e última rodada do primeiro turno.

Fonte: Redação FogãoNET e SporTV

Notícias relacionadas