Luís Castro, sobre apupos da torcida do Botafogo a Gabriel Pires: ‘Quando um é vaiado, todos são vaiados’

56 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Luís Castro, sobre apupos da torcida do Botafogo a Gabriel Pires: ‘Quando um é vaiado, todos são vaiados’
Vitor Silva/Botafogo

Família Botafogo. Foi mais uma vez com esse conceito que o técnico Luís Castro falou sobre as vaias da torcida alvinegra a Gabriel Pires, um dos atletas que foram alvo das críticas na derrota para o Cuiabá por 2 a 0 nesta terça-feira, no Estádio Nilton Santos.

– Procuro sempre formar uma família. Em uma boa família, quando um dos elementos é afetado, quando um é criticado, vaiado, todos sofrem com isso. Uma equipe perde junto e ganha junto. Quando um é vaiado, todos são vaiados. Isso deve ser motivo de orgulho da torcida, de sermos uma família que sente tudo que de acontece de mal a algum elemento. Todos nós queremos ganhar – afirmou Castro.

Estagnado nos 47 pontos, o Botafogo volta a campo apenas na próxima segunda-feira para visitar o Atlético-MG, às 20h, no Mineirão. Depois, o Glorioso encara ainda Santos no Estádio Nilton Santos e Athletico-PR na Arena da Baixada.

Fonte: Redação FogãoNET

Notícias relacionadas