NA ESTREIA DO TIME PRINCIPAL, BOTAFOGO VENCE O VOLTA REDONDA POR 2 A 1

162 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Marçal e Gustavo Sauer em Volta Redonda x Botafogo | Campeonato Carioca 2023
Vítor Silva/Botafogo

Saiu a primeira vitória do Botafogo no Campeonato Carioca-2023. Na estreia do time principal, o Glorioso venceu o Volta Redonda por 2 a 1, nesta quinta-feira (19/1), no Estádio Raulino de Oliveira. Os gols foram de Marçal e Victor Cuesta.

Mesmo com diversos desfalques, o Botafogo não se desfigurou e conseguiu manter um esquema de jogo parecido com o do fim de 2022. As novidades principais eram a estreia do reforço Marlon Freitas (no lugar de Gabriel Pires, vetado por amigdalite) e a entrada de Gustavo Sauer na ponta-direita.

O jogo começou intenso, com o Volta Redonda apostando na força física e no maior ritmo. Só que bastou uma jogada para o Botafogo abrir o placar. Aos 10 minutos, Patrick de Paula fez ótimo lançamento, Gustavo Sauer ajeitou de cabeça e Marçal tocou com categoria na saída do goleiro.

Patrick de Paula foi um dos principais destaques do primeiro tempo. Cortou bola importante na pequena área que poderia ser o empate do Volta Redonda, controlou o meio-campo, desarmou e deu ótimos lançamentos. No melhor (fora o do gol), Tiquinho Soares quase conseguiu o domínio na frente do goleiro.

Faltou ao Botafogo caprichar nas bolas paradas para ampliar. Foram escanteios sem eficiência e duas faltas mal cobradas, uma por Patrick de Paula por cima e outra de Tiquinho Soares na barreira. O Volta Redonda só ameaçou em uma finalização de Lelê que Lucas Perri fez grande defesa e em um chute perigoso de Berguinho, aos 38, para fora.

A etapa final começou mais agita, com Philipe Sampaio perdendo boa chance de cabeça após cruzamento de Marçal. Pelo alto, era o caminho. Tanto que, aos 10, Daniel Borges cobrou escanteio da esquerda e Victor Cuesta cabeceou para o fundo do gol, fazendo 2 a 0.

Não deu muito tempo de comemorar. Com certa facilidade, o Volta Redonda entrou trocando passes até Lelê diminuir, sem chances para Lucas Perri, aos 11.

Por ser início de temporada, o jogo diminuiu de ritmo. Com alterações e tempo técnico, a bola pouco rolava. O Volta Redonda, que pouco ameaçava, foi ter sua grande oportunidade aos 34. Após lançamento longo, Lelê venceu Philipe Sampaio na corrida, driblou Lucas Perri e bateu para o gol, mas Victor Cuesta foi até o final para salvar quase em cima da linha.

Aos 39, foi a vez de Lucas Perri aparecer novamente. Ricardinho saiu na cara do gol e só parou em ótima defesa do goleiro alvinegro. Sem ímpeto no contra-ataque, restou ao Botafogo cozinhar o jogo e administrar a primeira vitória no Carioca.

Próximos jogos do Botafogo

O próximo compromisso seria segunda-feira (dia 23) contra o Vasco, porém a Ferj adiou o clássico para 16 de fevereiro, em local a definir. Então, o Botafogo volta a campo na próxima quinta-feira (26) para enfrentar o Madureira, às 19h30, no Estádio Luso-Brasileiro (o Nilton Santos está em processo de reforma do gramado). No domingo (29) tem duelo com o Fluminense no Maracanã.

FICHA TÉCNICA
VOLTA REDONDA 1 X 2 BOTAFOGO

Estádio: Raulino de Oliveira
Data-Hora: 19/01/2023 – 19h30
Árbitro: Mauricio Machado Coelho Junior (RJ)
Assistentes: Carlos Henrique Alves de Lima Filho (RJ) e Michael Correia (RJ)
Renda/Público: R$ 113.840,00 / 4.447 pagantes / 5.379 presentes
Cartões Amarelos: Dudu e Willian Oliveira (preparador físico) (VOL); Marlon Freitas, Patrick de Paula, Danilo Barbosa e Marçal (BOT)
Cartões Vermelhos: Willian Oliveira (preparador físico), 46’/2ºT (VOL)

Gols: Marçal, 10’/1ºT (0-1); Victor Cuesta, 10’/2ºT (0-2); Lelê, 11/2ºT (1-2);

VOLTA REDONDA: Jefferson; Wellington Silva, Alix Vinicius, Sandro Silva (Daniel Felipe, 9’/2ºT) e Gilson (Ricardinho, intervalo); Bruno Barra, Dudu e Luciano Naninho; Berguinho (Pedrinho, 23’/2ºT), Luizinho (Cachoeira, 23’/2ºT) e Lelê – Técnico: Rogério Corrêa.

BOTAFOGO: Lucas Perri; Daniel Borges (Rafael, 36’/2ºT), Philipe Sampaio, Victor Cuesta e Marçal; Tchê Tchê (Danilo Barbosa, 28’/2ºT), Patrick de Paula e Marlon Freitas; Gustavo Sauer (Lucas Piazon, 18’/2ºT), Tiquinho Soares (Carlos Alberto, 28’/2ºT) e Victor Sá (Luis Henrique, 18’/2ºT) – Técnico: Luís Castro.

VÍDEO | Gols e melhores momentos:

Fonte: Redação FogãoNET

Notícias relacionadas