Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Carioca

25/04/21 às 18:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

X

Escudo Macaé
MAC

Carioca

17/04/21 às 16:00 - Maracanã

Escudo Fluminense
FLU

1

X

0

Escudo Botafogo
BOT

Copa do Brasil

14/04/21 às 21:30 - Frasqueirão

Escudo ABC
ABC

1

X

1

Escudo Botafogo
BOT

Menos vaidade, mais ação e mais profissionalismo é o que o Botafogo precisa a partir de agora

27 comentários

Blog da Redação

Blog da Redação

Compartilhe

Presidente Durcesio Mello e vice-presidente Vinicius Assumpção em São Januário para Vasco 3x0 Botafogo pelo Campeonato Brasileiro
Reprodução/TV Globo

Em 30 de setembro, o Botafogo soltou uma nota oficial sobre a venda de Luis Henrique para o Olympique de Marselha que iniciava assim: “O Comitê Executivo de Futebol apresentou, em entrevista veiculada na Botafogo TV…“.

No começo do ano, dia 2, mais uma notícia no site oficial, desta vez para anunciar a chegada de Altamiro Bottino, começava com: “Na tarde deste sábado, o Presidente Durcesio Mello e o Vice-Presidente Geral Vinicius Assumpção, eleitos para o quadriênio 2021-2024, apresentaram uma novidade na estrutura do Departamento de Futebol“.

Notaram o erro? Não era o Botafogo que anunciava, ou esclarecia, ou detalhava… Nada disso. Primeiro, era o Comitê Executivo. Depois, eram o novo presidente e o novo vice-presidente. Nunca era O Botafogo. Essa era das vaidades precisa acabar para ontem.

O Botafogo é um gigante numa crise absurda, e só com muito trabalho e os egos deixados de lado vai conseguir sair desse buraco. Serão necessários mais ação, menos vaidade e muito profissionalismo.

Nessa semana, a torcida tem se incomodado com o silêncio da diretoria do Botafogo sobre as recentes notícias extracampo – a ida a boate de Marcelo Benevenuto e Matheus Babi e agora a festinha de despedida do Honda que veio à tona. E também nenhuma atitude foi tomada após os péssimos resultados no Brasileirão.

Mas, também, ficar falando o tempo todo iria atrapalhar. É hora de tratar os problemas internamente e trabalhar muito. Esse trabalho inclui a chegada do CEO – que já deveria ter chegado na posse, por sinal – e do novo diretor, escolhido com a anuência do CEO. Mas já estamos atrasados e patinando.

Saudações alvinegras!

Fonte: Redação FogãoNET

Comentários