Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Série B

17/06/21 às 19:00 - Do Café

Escudo Londrina
LON

X

Escudo Botafogo
BOT

Série B

13/06/21 às 16:00 - Raulino de Oliveira

Escudo Botafogo
BOT

3

X

0

Escudo Remo
REM

Série B

05/06/21 às 21:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

2

X

0

Escudo Coritiba
CTB

Chamusca começa a olhar para a velocidade. Esse é o caminho

41 comentários

Blog do Mansell

Blog do Mansell

Compartilhe

Ronald - Nova Iguaçu x Botafogo
Vitor Silva/Botafogo

O técnico Marcelo Chamusca parece ter percebido que precisa voltar ao começo do seu trabalho. Falo das vitórias tranquilas sobre Resende e Moto Club, quando o Botafogo exibiu em campo um futebol de velocidade, com troca rápida de passes. Com Felipe Ferreira e Marcinho, o treinador acabou deixando a velocidade de lado. Aí o Glorioso, com um elenco limitado, passou a ter problemas para se impor, uma vez que esses são jogadores de qualidade duvidosa na criação.

O Nova Iguaçu não serve de base como rival. A Série B terá adversários de qualidade bem maior do que o simpático time laranja da Baixada. Mas a maneira de se jogar melhorou. Com Ronald o Botafogo ganhou em velocidade e isso fez com que Marco Antônio também atuasse de maneira mais “esperta”, sem o futebol burocrático que vimos em jogos anteriores. Tanto que em bela jogada de velocidade ele deixou Ronald ma cara do gol, quando o jogo ainda estava 0 a 0.

Chamusca ganha moral para cobrar reforços

Chamusca percebeu que a velocidade é o melhor caminho (Foto: Vitor Silva/Botafogo)

A velocidade tem que ser a grande arma do Botafogo. Principalmente porque o setor defensivo está muito bem montado. Jonathan, preservado para Warley ser testado contra o Nova Iguaçu, e PV devem começar a Série B nas laterais. Jonathan mais preso como um falso terceiro zagueiro, com PV mais liberado. Apenas é preciso cuidado para o Botafogo não virar capenga, jogando apenas poir um lado. O aspecto positivo é uma liberação maior para Pedro Castro avançar. Ele jogando de maneira mais ofensiva dá certo, como vimos.

Com a defesa montada Chamusca precisa rapidamente dos reforços que melhorem a qualidade do setor ofensivo. Assim um camisa 10 e uma referência no ataque já mudam bem o time do Botafogo. Com o treinador dando a impressão de que percebeu que a dupla de Cuiabá não funcionou (E acho que Marcinho com a expulsão finalmente vai ser um pouco deixado de lado), com a defesa armada, o maior problema agora são os reforços. Além disso são urgentes já que a Série B começa em maio. Freeland tem que agir rapidamente.

Notícias relacionadas
Comentários