Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Taça Rio

16/05/21 às 11:05 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

X

Escudo Vasco
VAS

Taça Rio

09/05/21 às 18:00 - Nilton Santos

Escudo Nova Iguaçu
NOV

0

X

1

Escudo Botafogo
BOT

Carioca

02/05/21 às 18:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

0

X

0

Escudo Nova Iguaçu
NOV

Vitória sobre o Macaé: precisamos falar de Pedro Castro e PV no Botafogo

35 comentários

Blog do Mansell

Blog do Mansell

Compartilhe

Rickson e Pedro Castro em Botafogo x Macaé | Campeonato Carioca 2021
Reprodução/Cariocão TV

O Botafogo goleou o Macaé na última rodada do Campeonato Carioca. Não fez mais do que a sua obrigação contra um time que está rebaixado e com os salários atrasados há quatro meses. Tanto que os jogadores sentaram em campo em protesto. Mas é sempre possível fazer algumas observações. Por isso precisamos falar de dois jogadores: Pedro Castro e PV.

Pedro Castro voltou após lesão muscular. E com o retorno dele se viu um time mais organizado em campo. Inclusive permitindo que Ricardinho tivesse mais tranquilidade para fazer seu jogo fluir. Pedro Castro não só organizou o time como também mostrou mais uma vez a sua boa capacidade de finalização abrindo o caminho para a vitória. Foi dele também o golaço de falta contra o Moto Club pela Copa do Brasil.

Se Pedro Castro animou, o que dizer que PV. O lateral-esquerdo foi o jogador mais eficiente do Botafogo, participando da jogada dos dois gols. Eficiente no ataque, não comprometeu na defesa por conta do excelente preparo físico. Agora vai ficar ruim tirar ele do time principal.

Se tivessem jogado contra o ABC?

Pedro Castro em Botafogo x Macaé | Campeonato Carioca 2021
Pedro Castro abriu o placar contra o Macaé (Foto: Vitor Silva/Botafogo)

Se os dois estivessem em campo contra o ABC talvez a história tivesse sido outra. Pedro Castro não tinha condições porque estava lesionado. PV foi preterido por um Rafael Carioca que teve atuação patética. Que sirva de lição para Chamusca.

Por falar em Marcelo Chamusca, que ele use bem a Taça Rio para encontrar uma formação para a estreia na Série B. Terá mais de um mês antes da estreia na competição. Mas a diretoria também precisa entregar logo os reforços que mudarão de patamar este time.

Notícias relacionadas
Comentários