O atacante uruguaio Rodrigo Aguirre, o mais novo reforço do setor ofensivo do Botafogo, foi avaliado por Loco Abreu durante a viagem do Fogão para o Chile. Em entrevista ao jornalista Fred Gomes, do Globoesporte.com, publicada na última quarta-feira, véspera da partida contra o Audax Italiano, o ídolo alvinegro afirmou que seu compatriota pode ser muito útil ao Fogão, mas fez ressalvas para os torcedores.

– Quem está no futebol conhece, ainda mais porque ele teve no Nacional-URU. Tenho pleno conhecimento das características que ele tem. É um centroavante que pode ajudar muito, mas não é artilheiro. Ele é um atacante que faz gols. Têm três tipos de atacantes: atacante que faz gol, o atacante que ajuda os outros a fazerem gols e o artilheiro. É um atacante que faz gols, muito forte, potente e que adapta rápido. Se o jogo é de jogar bem ou é para briga, também se adapta. Não tira a bunda da agulha. É raçudo. Para as características que o Botafogo tem, pode se entrosar muito bem e ser importante – comentou Abreu.

No início deste mês, o técnico Alberto Valentim declarou que o centroavante deve ficar pronto para a estreia com a camisa do Glorioso apenas na terceira rodada do Campeonato Brasileiro, contra o Grêmio, no dia 28 de abril, no Nilton Santos. Suspenso pela Conmebol, Aguirre só poderá atuar com a camisa 11 na Copa Sul-Americana a partir da próxima fase.