Alerj aprova título de Cidadão do Rio de Janeiro pra Jefferson

Compartilhe:

O goleiro Jefferson, hoje, é um dos grandes ídolos da torcida do Botafogo. Com atuações seguras, e freqüentemente garantindo vitórias para a equipe alvinegra, o jogador também coleciona convocações para a Seleção Brasileira. Na última terça-feira, em assembléia na ALERJ, os deputados cariocas votaram e condecoraram Jefferson com o título de Cidadão do Estado do Rio de Janeiro, que será entregue ao camisa 1 alvinegro nos próximos meses. O deputado Xandrinho explicou a situação em exclusiva para a Super-Rádio Tupi.
 
“Na realidade, foi a Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro que deu a ele o título de Cidadão do Estado do Rio de Janeiro. A votação foi na terça-feira, e a votação foi total, a maioria dos presentes votou favorável. A data possível (da entrega) será no início de novembro, possivelmente no dia 11 de novembro ele estará recebendo, em uma solenidade na assembléia legislativa, o título.”
 
A entrega do título, porém, poderá ter de ser adiada, já que a CBF reservou as datas de 15 e 19 de novembro para amistosos ainda a ser definidos. A apresentação do grupo está marcada justamente para o dia 11 de novembro, data em que Jefferson seria homenageado. Além disso, no dia anterior, domingo, o Botafogo enfrenta o Internacional, no Rio Grande do Sul, em partida válida pelo Campeonato Brasileiro. Para o deputado Xandrinho, a festa da premiação do jogador deverá contar até mesmo com torcidas adversárias, e o dia 11, uma segunda-feira, foi a melhor data encontrada para a festa. 
 
“Ele representa muito bem a nossa seleção brasileira, representa o Estado do Rio de Janeiro e, portanto, muito merecida essa homenagem, que já era para ter acontecido. Ele é vitorioso, um grande goleiro, talvez, hoje, o melhor do país. Foi dado com muito carinho. Tenho certeza de que a torcida botafoguense, e mesmo quem não é Botafogo, estará presente nessa linda festa que, possivelmente, ocorrerá no dia 11 de novembro. Depende também da agenda dele. Convocações para a seleção, problema de apresentação, enfim, estamos tentando conciliar. Dia 11 cai em uma segunda-feira, foi a melhor data que encontramos para não atrapalhar a sua agenda profissional como jogador de futebol.”
 
Revelado pelo Cruzeiro, Jefferson, que é de São Vicente, no interior de São Paulo, teve sua primeira passagem pelo Botafogo em 2003, mas ficou pouco tempo no clube, transferindo-se pouco depois para o América de São Paulo. Voltou ao Alvinegro no ano seguinte, e em 2005, se transferiu para o futebol turco. Voltou à General Severiano em 2009, onde está até hoje, colecionando belas atuações com a camisa do Glorioso. 


Fonte: Site da Rádio Tupi
Comentários