Um ciclo chega ao final. Na tarde desta quarta-feira, o Internacional confirmou, através do seu site oficial, a rescisão de contrato de maneira oficial a saída de Diego Forlán. E o destino do jogador, de 34 anos, foi conhecido minutos depois: em seu Twitter, o atacante uruguaio confirmou o acerto com o Cerezo Osaka, do Japão, clube com o qual firmou vínculo até dezembro deste ano.

Os rumores da saída de Forlán acompanham as primeiras ações do Inter na temporada de 2014. O Botafogo esteve atento à situação e gostaria de contar com o camisa 7, que não se interessou pela proposta alvinegra. O agente do jogador, Daniel Bolotnicoff, esteve em nova reunião com o presidente Giovanni Luigi nesta terça. O jogador não treinou e chegou atrasado ao treinamento, marcado para as 16h30 – ele adentrou o CT às 16h25 e foi um dos primeiros a sair. Nesta quarta, os detalhes todos foram acertados para que o anúncio fosse oficial.

Eleito o melhor jogador da Copa de 2010, quando foi fundamental para o Uruguai ser semifinalista de um Mundial após 40 anos, Forlán chegou ao Internacional no meio de 2012, sem custos após rescindir com a Inter de Milão, da Itália. Ele fez apenas cinco gols nos primeiros seis meses de clube, em 19 partidas no Brasileirão. Em 2013, iniciou o ano muito bem, sendo goleador e destaque colorado no Gauchão, competição da qual foi o artilheiro com nove gols.

Após um bom início de temporada, ele, no entanto, não conseguiu repetir o desempenho no segundo semestre e acabou o ano na reserva do Inter, que tinha como análise que jogador não tinha intensidade suficiente para aguentar o futebol atual. Foram 22 gols em 55 jogos com a camisa colorada e um título conquistado: o Campeonato Gaúcho do ano passado.

Fonte: Lancenet!