Obras ganham ritmo e Engenhão deve reabrir em 11/2014

Compartilhe:

Interditado pela Prefeitura do Rio de Janeiro desde março por problemas na cobertura, o estádio olímpico João Havelange se prepara para receber os primeiros reparos. Aos poucos, os trabalhos no canteiro de obras vão ganhando ritmo e para acelerar as obras de reforço da estrutura, o consórcio responsável pela reforma, em conjunto com a RioUrbe, empresa municipal de urbanização, optou por fazer modificações no projeto original.

Inaugurado em junho de 2007 com capacidade total para mais de 46 mil torcedores, o local permanecerá fechado por mais de dois anos para corrigir erros de execução que condenaram a cobertura do estádio. De acordo com o novo planejamento, quatro grandes suportes metálicos serão responsáveis pela suspensão da cobertura, que deve ainda passar por um reforço em sua estrutura, segundo o presidente da RioUrbe, Armando Queiroga.

– Agora a gente vai, na verdade, fazer o levantamento da estrutura e não vai ter mais o escoramento das coberturas. Isso “come” uma etapa do processo e também dá mais segurança na execução do processo de reforço da cobertura – disse Armando.

A operação está na fase final de elaboração e já entrou em seu processo de execução. A previsão é de que as gruas do suporte sejam montadas até o final de 2013. A cobertura deve ser içada em maio de 2014, com a reabertura do estádio somente para treinos. A obra deve ser concluída em novembro do mesmo ano. O consórcio Engenhão não confirmou o valor da reforma porque ainda está detalhando os custos da obra junto ao projeto executivo.

No relatório interno do Comitê Olímpico Internacional, revelado no último sábado, o estádio não ficou isento de críticas. De acordo com o COI, o calendário da reforma para os Jogos de 2016 ainda é motivo de preocupação.

– As obras necessárias para atender aos requisitos de 2016 não impactam com a da cobertura e vice-versa. Então, a gente consegue fazer em paralelo – afirmou o presidente da RioUrbe.

Enquanto a obra estiver em andamento, o Botafogo vai continuar utilizando o campo anexo para treinamentos, assim como aconteceu nas Copa das Confederações, quando a Itália treinou no local. Durante a Copa do Mundo de  2014, o campo também será utilizado.

Planejamento aponta reabertura no fim de 2014 (Foto: Reprodução SporTV)



Fonte: SporTV.com
Comentários