Após madrugada na estrada, Bota chega ao Rio sem Seedorf

Compartilhe:

A viagem foi longa, desgastante e deve ter sido difícil dormir. Somente às 9h15m desta quinta-feira a delegação alvinegra chegou ao Rio de Janeiro, após cerca de 8h de viagem dentro de um ônibus que a trouxe de Belo Horizonte depois da derrota por 3 a 0 para o Cruzeiro, no Mineirão, que deixou o Botafogo mais longe da liderança do Brasileiro. Visivelmente cansados, principalmente porque a chegada atrasou em mais de uma hora por conta de um engarrafamento causado pelo tombamento de um caminhão na descida da estrada Rio-Petrópolis, os atletas desembarcaram no Engenhão e entraram em seus carros. O restante do dia será de folga para todos. Seedorf foi o único atleta do elenco que não voltou de ônibus. O holandês chegará ao Rio mais tarde, de avião.

onibus botafogo (Foto: Cauê Rademaker)Ônibus com elenco alvinegro chega ao Engenhão após madrugada na estrada (Foto: Cauê Rademaker)

Apesar do revés diante do líder, André Bahia, único a falar com a imprensa, mostrou otimismo.

– Faltam 16 jogos ainda. Não há nada perdido. O resultado foi atípico, não condiz com o que foi o jogo. Temos quatro jogos seguidos em casa e temos condições de buscar – disse o jogador, que ainda comentou o trajeto de ônibus durante a madrugada:

– A viagem foi boa, ao menos chegamos mais cedo.

Esse, aliás, foi o motivo que fez com que os jogadores preferissem passar a madrugada na estrada, em vez de voltar de avião da capital mineira. Se fossem pegar um voo, isso só aconteceria na parte da tarde e a folga não seria aproveitada. Desta forma, a diretoria alugou um ônibus, que deixou Belo Horizonte pouco depois de 1h. No caminho, o elenco ainda parou para lanchar.

O grupo se reapresenta na tarde desta sexta-feira, quando começa a se preparar para o confronto de domingo contra o Bahia, no Marcanã. Com 42 pontos, o Botafogo segue na segunda colocação do nacional, mas agora sete pontos atrás do Cruzeiro, que foi a 49.



Fonte: Globoesporte.com
Comentários