Barroca ressalta desequilíbrios do Botafogo para explicar derrota: ‘Atlético-GO foi montado de forma mais coerente’

64 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Eduardo Barroca em Botafogo x Atlético-GO | Campeonato Brasileiro 2020
Reprodução/Botafogo TV

O técnico Eduardo Barroca atribuiu aos desequilíbrios do elenco mais uma derrota do Botafogo no Campeonato Brasileiro, desta vez para o Atlético-GO por 3 a 1 em pleno Estádio Nilton Santos. Em entrevista coletiva, o comandante tratou de dar os méritos para o adversário, clube no qual trabalhou recentemente.

Temos que ter ciência e frontalidade para reconhecer que nosso adversário desportivamente foi montado desde o início da temporada de uma forma mais coerente e equilibrada do que a gente. Posso falar isso porque estive lá há pouco tempo e sei como a equipe foi construído. Temos primeiro que dar os méritos ao adversário – afirmou Barroca, reconhecendo o mau momento do Botafogo:

– Nos sete jogos em que estive à frente, nenhum índice coletivo foi favorável à gente, em nenhum levamos vantagem ao intervalo, sofremos gols em todos os sete jogos, tirando o jogo contra o Coritiba com as substituições a equipe perdeu… Existe um desequilíbrio muito claro desportivo e coletivo também.

Barroca pediu mais trabalho e menos palavras para amenizar o sofrimento do Botafogo.

– Nenhuma equipe que está numa situação como a do Botafogo se encontra é por um motivo apenas. Nesse momento precisamos falar pouco, sentir muito, honrar a camisa do clube, trabalhar muito todos os dias para no próximo jogo reverter esse cenário que desportivamente é extremamente adverso. Não tem muito o que falar, é absorver, trabalhar muito, fazer as cobranças internas para dar as soluções o mais rápido que a gente puder – disse.

Fonte: Redação FogãoNET

Notícias relacionadas