Uma boa notícia para os clubes brasileiros que pretendem contratar jogadores estrangeiros para a temporada de 2014, ou que já contam com gringos nos seus elencos. A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) vai anunciar até o fim desta semana o aumento do número permitido de atletas sem nacionalidade brasileira em cada partida no país. Atualmente, apenas três atletas nascidos fora do Brasil podem atuar ao mesmo tempo.

Presidente da CBF, José Maria Marin foi quem comunicou a decisão aos seus pares, em Salvador, onde está para o sorteio das chaves da Copa do Mundo, evento que vai acontecer na próxima sexta-feira, na Costa do Sauípe. Outras mudanças estão previstas no novo Regulamento Geral de Competições, que deve ser anunciado nesta sexta.

grêmio treino olímpico barcos vargas (Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA)
O argentino Barcos e o chileno Vargas são dois dos jogadores estrangeiros do Grêmio (Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA)

Cruzeiro, Grêmio, Internacional e Vitória são os clubes que já faziam campanha pela mudança, pois todos eles costumam contar com estrangeiros em seus elencos.

Vice-líder do Brasileirão, o Grêmio enfrenta dificuldades para escalar o time por conta da atual regra. O técnico Renato Gaúcho sempre tem de deixar um estrangeiro fora do jogo, já que ele conta com quatro: o chileno Vargas, o argentino Barcos, o uruguaio Maxi Rodriguez e o paraguaio Riveros.

No fim de novembro, o Tricolor gaúcho chegou a protocolar um pedido de mudança na regra. Tal documento foi enviado para a Federação Gaúcha de Futebol (FGF), e depois repassado para a CBF.

Fonte: Globoesporte.com