Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Copa do Brasil

14/04/21 às 21:30 - Frasqueirão

Escudo ABC
ABC

X

Escudo Botafogo
BOT

Campeonato Carioca

10/04/21 às 21:05 - Raulino de Oliveira

Escudo Volta Redonda
VRE

2

X

2

Escudo Botafogo
BOT

Campeonato Carioca

04/04/21 às 17:00 - Giulite Coutinho

Escudo Botafogo
BOT

1

X

1

Escudo Portuguesa
POR

Chefe da arbitragem: ‘Desde o selinho Sheik tem dado declarações polêmicas’

comentários

Compartilhe

As declarações de Emerson Sheik, após ser expulso na derrota do Botafogo por 3 a 2 para o Bahia, na quarta-feira, não soaram bem aos ouvidos do presidente da Comissão Nacional de Arbitragem. Na saída de campo, o atacante usou uma câmera de TV para criticar a CBF: “CBF, você uma vergonha. Vergonha, Vergonha, Vergonha”. Nesta quinta-feira, Sérgio Correa foi irônico com o jogador e usou uma das inúmeras polêmicas que o atleta já se envolveu para criticá-lo, como o caso do “selinho” num amigo.

Em agosto de 2013, após uma vitória do Corinthians sobre o Coritiba, pelo Campeonato Brasileiro, deu um selinho no amigo Izac. Os dois são sócios nos restaurantes “Paris 6”, de São Paulo e do Rio de Janeiro. Em seu perfil no Instagram, Sheik postou uma imagem do beijo e ressaltou sua coragem ao fazer isso, mas depois enfrentou uma polêmica muito grande.

– O Sheik tem que explicar melhor o que ele quis dizer com isso. O futebol brasileiro é muito bom, ele é craque e o árbitro tem que fazer o melhor. Ninguém quer ouvir coisas pela metade. Ele quer entrar numa área que desconhece. Isso é jogar para a torcida. Desde o episódio do selinho ele tem dado declarações polêmicas – afirmou o presidente da Comissão Nacional de Arbitragem.

O árbitro Igor Junio Benevenuto relatou na súmula da partida que foi ofendido por Emerson Sheik e também citou o que o jogador disse às câmeras de TV.

– Ele é maior de idade e pode falar o que quiser. Respeitamos o seu direito de se expressar, mas não concordamos e o árbitro fez o papel dele. Ele foi expulso merecidamente porque agrediu um companheiro de profissão e saiu ofendendo as instituições – disse Correa.

 

Árbitro relatou na súmula da partida que foi ofendido por Emerson Sheik e também citou oq ue o jogador disse às cameras de TV
Árbitro relatou na súmula da partida que foi ofendido por Emerson Sheik e também citou oq ue o jogador disse às cameras de TV Foto: Reprodução

O procurador geral do Superior Tribunal de Justiça Desportiva, Paulo Schmitt, já pediu as imagens de TV para analisar o lance. Porém, ele adiantou que o jogador deve ser denunciado em dois artigos: 243-F (ofender alguém em sua honra, por fato relacionado diretamente ao desporto…), com pena de um a seis jogos de suspensão, e 258 (Assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva não tipificada pelas demais regras deste Código), também com pena de um a seis jogos de suspensão.

Sérgio Correa acredita que Emerson deva pegar algum tipo de punição.

– Acredito que ele pegue alguma suspensão a não ser que ele tenha provas do que falou – disse.

Comentários