Coluna: ‘Jobson e Botafogo são 2 doentes em estado terminal. Podem se salvar’

0 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Drama duplo

Jobson só voltou, para espanto geral, a ganhar nova chance no Botafogo porque ocorreu o reencontro de dois doentes em estado terminal: o clube vivendo uma crise, terrível, sem dinheiro, sem craques e sem liderança, e o jogador, depois de vários papelões, rejeitado em todos os lugares. Ocorre que a vida é caprichosa: às vezes, uma boia velha, meio furada, salva uma vida. É pouco provável, mas possível, que um salve o outro no curto prazo. Na fase atual, não há nada a perder.

Notícias relacionadas