O ex-jogador de Vasco, Botafogo e Rio Branco, Queone Oliveira Manhães, de 22 anos, foi assassinado a tiros na madrugada deste domingo (1º) no bairro Travessão, em Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense. Queone estava dentro de um carro com outro jovem, que também foi baleado e está internado no Hospital Ferreira Machado.

A segunda vítima foi identificada como Diego. Os dois tinham acabado de chegar em uma festa de forró quando foram abordados e baleados. O ex-jogador, que estava sem clube, foi atingido com um tiro no rosto e outro na cabeça.

Após o crime, policiais militares receberam uma denúncia de que na casa de Diego tinha uma arma. Ao chegarem no local, os militares encontraram um revólver calibre 32, munições de calibre 38 e aproximadamente 3 kg de cocaína, 60 pinos de cocaína, 24 pedras de crack e material para enrolar a droga. 

O material recolhido na residência do jovem foi encaminhado para o 134ª DP do Centro de Campos, onde a ocorrência foi registrada. O corpo de Queone Oliveira Manhães foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) da cidade e reconhecido por parentes. O corpo do ex-jogador será velado neste domingo (1º).

Fonte: Globoesporte.com