Emprestado pelo São Paulo ao Botafogo, tem sido cada vez mais improvável a permanência do atacante Diego Souza em qualquer um dos clubes pensando na temporada de 2020.

Isso porque o contrato com o time paulista termina em dezembro desse ano e, como as informações de momento indicam que o Bota tampouco quer estender o seu acordo junto a Diego, a possibilidade de um meio-termo para findar o vínculo tem crescido.

Com essa situação, quem fica na torcida para que o Sport faça uma investida para trazer novamente o jogador de 34 anos de idade é o pai do atleta, Marco Aurélio, que estava na Ilha do Retiro na noite da última quarta-feira (20) quando o Leão da Ilha conseguiu o acesso batendo a Ponte Preta por 2 a 1. Vestido, aliás, com uma camisa tendo o nome e número de Diego.

Apesar do seu desejo, o pai do atacante mencionou também a idade do filho e uma curiosa gíria para dizer que, atualmente, a ideia de futebol está mais voltada para a questão física:

– Eu vim subir o Sport com a camisa do Diego. Não sei se ele volta… Eu tenho um carinho muito grande pelo Sport. Torço muito que ele volte. Não sei se vai acontecer, mas torço muito. Diego tem 34 anos e futebol atualmente gosta de GPS.

Fonte: Terra