Técnico do Botafogo desde o início do Campeonato Brasileiro, após a saída de Zé Ricardo, Eduardo Barroca está com moral com a diretoria alvinegra. Em entrevista ao site “Globoesporte.com”, o presidente Nelson Mufarrej encheu o treinador de elogios.

O mandatário revelou como é a rotina de Barroca no clube.

– Você vê o Barroca, não desmerecendo os outros treinadores, todo eles maravilhosos, mas ele me chama a atenção pela dedicação. É um rapaz que chega às sete da manhã no clube e sai 21h30, 22h. Ele está envolvido com todo mundo, é uma pessoa que se dedica totalmente em fazer o melhor para os torcedores. Com um carinho muito grande. Não é que os outros não tenham carinho, mas a dedicação – diz.

– Ele não precisaria chegar às sete da manhã. Ele vai encher o saco, digamos assim, de todo mundo para saber sobre performance, entender por que o fulano rendeu menos. Tem muito treinador que chega na hora do treino e vai embora. Tenho certeza que Deus vai ajudá-lo cada vez mais. Ele gosta muito de ser treinador – acrescenta.

A admiração é tanta que o presidente já vislumbra futuro para Eduardo Barroca no Botafogo SA (nome ficítio para a Sociedade de Propósito Específico que pode comandar o futebol do Botafogo, em projeto feito pela Ernst & Young a partir de pedido dos irmãos Moreira Salles).

– A torcida aprovou, mas no início levou um choque de mais uma tentativa, mais uma experiência. A gente explicou à torcida quem é o Barroca, o que ele deixou de legado aqui para nós botafoguenses, mesmo na sub-20. Foi campeão brasileiro, ganhou muito. No Corinthians, ele fez um trabalho. Não sei como o presidente Andrés o deixou sair. O Andrés gosta da gente. E acho que fez muito bem para o Barroca. Tem um caminho muito bom conosco, mesmo na SPE (Sociedade de Propósito Específico, que é o grupo de investidores que entrará no futebol juntamente com os Moreira Salles em 2020 se o projeto for oficialmente aprovado) vai dar bons frutos – confia.

Fonte: Redação FogãoNET e Globoesporte.com