Botafogo é outro até na forma de tratar a torcida fora do Rio. Chay vibrou!

9 comentários

Blog do Mansell

Blog do Mansell

Compartilhe

Joel Carli no desembarque do Botafogo para o jogo contra o Remo no Aeroporto Internacional de Belém | Série B do Campeonato Brasileiro 2021
Reprodução/Botafogo TV

Aos poucos as coisas vão sendo colocadas no lugar no Botafogo. Dentro de campo a série de bons resultados deixou claro pelo que o time vai lutar na Série B. Mas o que me chamou a atenção foi o tratamento dado aos torcedores, que também mudou com o novo ambiente.

Antes do duelo contra o ABC, pela Copa do Brasil, os torcedores de Natal reclamaram do fato de os atletas sequer terem falado com o grupo que esperava eles no aeroporto. Depois do jogo, com a eliminação, o caldo virou de vez.

Enderson ajudou muito nesta mudança

Enderson Moreira foi fundamental na mudança do Botafogo (Foto: Vitor Silva/Botafogo)

Mochilas, bolsas e carteiras da coleção FogãoNET da Estilo Piti

Na chegada a Belém para o duelo com o Remo o que observamos foi um cenário bem diferente. Mesmo com a pandemia o grupo de atletas, tomando seus cuidados, atendeu aos torcedores. Isso é fortalecimento da marca e da paixão.

Foi muito bom sentir esse calor humano. Sabemos que tem botafoguense espalhado em todo o Brasil e isso foi muito bom – disse Chay ao “SBT“.

Enderson Moreira fez questão de acenar para o grupo. Não entrou correndo no ônibus com a cara fechada e de poucos amigos. mas se eu fosse treinador do Botafogo no primeiro semestre também ficaria com a cara fechada vendo o futebol do time e o desempenho de nomes como Marcinho e Felipe Ferreira. Como o Botafogo mudou.

Festa na madrugada! Veja como foi a chegada do Botafogo a Belém:

Fonte: Redação FogãoNET

Notícias relacionadas