Maicosuel é um exemplo de um Botafogo diferenciado

70 comentários

Blog do Mansell

Blog do Mansell

Compartilhe

Maicosuel é um exemplo de um Botafogo diferenciado
Fernando Soutello/AGIF/Botafogo

O objetivo deste texto não é pedir ou criticar uma possível volta de Maicosuel ao Botafogo. Até porque, como tudo na vida, isso teria dois lados. Para quem perdeu alguma coisa o apoiador pediu uma chance ao Glorioso. Aos 34 anos, diz estar bem fisicamente, topa um contrato de produtividade e tem a vontade de jogar a Série B pelo Alvinegro.

Mas o que mais chama a atenção nesta história é a forma como ele se dirige ao clube. Isso vai além do tradicional fazer média ou cavar uma vaga. Maicosuel viveu com intensidade o que é jogar no Botafogo. Uma vez o volante Túlio lembrou em uma entrevista que o sujeito não escolhe ser botafoguense. Ele é escolhido. Túlio, apesar da trágica passagem como dirigente, entende este sentimento que eu estou falando.

Maicosuel viveu o que é jogar no Botafogo. Basta lembrar a emoção dele ao marcar um gol em um retorno ao clube. Donizete Pantera, habilidoso em fazer média nos clubes que passa, certa vez foi firme ao responder sobre todos os clubes onde jogou: “No Botafogo a energia é diferente. Tem algo que prende”.

Maicosuel tem 34 anos

Maicosuel deixou boas lembranças no Botafogo (Foto: Divulgação)

É isso que prende que faz Loco Abreu até hoje falar do clube. Que faz Jefferson e Joel Carli baterem boca na internet mesmo longe do clube. O argentino depois voltou. É isso que faz Túlio dizer que foi escolhido. É isso que faz Maicosuel querer voltar.

Sobre a volta dele, sua idade nem seria problema. Temos muitos jogadores até mais velhos do que 34 anos em condições de jogar. Mas as características de Maicosuel, velocidade como principal arma e arranque, com certeza estão prejudicadas. Um contrato de produtividade teria que ser muito bem feito, assim como foi com Daniel Carvalho em 2015. Mas o mais interessante de tudo isso é saber que o Botafogo que tanto queremos de volta ainda vive na memória de quem brilhou por lá.

Notícias relacionadas