Acredito que ainda não seja de conhecimento geral, mas o Botafogo publicou, na noite desta segunda-feira, uma inédita “nota de reconhecimento” em seu site oficial para o deputado federal Rodrigo Maia. O clube agradeceu à “imensa dedicação” do político e conselheiro aos “assuntos institucionais” de General Severiano. Esse comunicado deixa algumas perguntas sem respostas e uma obscuridade desnecessária.

Nota de reconhecimento do Botafogo ao deputado federal Rodrigo MaiaNOTA OFICIAL – “O Botafogo de Futebol e Regatas agradece ao Conselheiro e Deputado Rodrigo Maia pela imensa dedicação ao nosso Clube em assuntos institucionais” disse a nota no site (Foto: Reprodução/BFR)

A nota de 144 caracteres, que ocupou apenas uma linha e meia do corpo de texto, para começo de conversa, não revela quais são os tais assuntos. Beleza, sabemos que Maia foi um dos responsáveis por ajudar o Botafogo a conseguir o patrocínio de R$ 10 milhões com a Caixa Econômica Federal em Brasília nos últimos dias e, possivelmente, esse tenha sido o motivo de tal agradecimento. Mas se o clube resolveu tornar isso publico, por que não informa aos torcedores sobre o que se trata o reconhecimento exatamente? Não é de interesse dos alvinegros? Há algum motivo para que isso não seja exposto? Por que tão breve?

Ainda caminhando sobre o assunto, há outros pontos bem delicados. Sem querer fazer juízo do caso, isso cabe às entidades competentes, mas o presidente da Câmara dos Deputados chegou a ser alvo de investigação por corrupção após as delações da Odebrecht, oriundas da Operação Lava Jato. Além disso, hoje, Rodrigo é candidato à releição no Rio de Janeiro pelo Democratas, para seguir atuando na capital federal. Até onde é interessante atrelar as duas imagens? Dá margem para más interpretações, como, por exemplo, uma explícita campanha eleitoral – faltam 40 dias para a decisão na urnas.

Rodrigo Maia é candidato à reeleição à Câmara dos Deputados pelo Democratas-RJRodrigo Maia (DEM-RJ) é candidato à reeleição à Câmara dos Deputados (Foto: Reprodução/TSE)

Segundo fontes consultadas pelo Boletim do C.E, a determinação para divulgação da nota veio do mais alto escalão do clube, passando por cima de questionamentos internos do departamento de comunicação, único setor que tem acesso ao site. A retirada do texto do ar chegou a ser cogitada, mas não foi levada para frente. Confuso, não?

Enfim, um episódio insensível e inoportuno vindo da diretoria.

O Botafogo precisa disso?

Saudações alvinegras!