Irregular, assim tem sido o Botafogo neste início de Campeonato Brasileiro. Até aqui foram duas vitórias, dois empates e duas derrotas. De olho na sequência de jogos até a parada para a Copa do Mundo, Alberto Valentim vai usar a semana que tem até o próximo jogo da equipe, no domingo, contra o Vitória, no Nilton Santos, para ajeitar o ataque, que só conseguiu marcar três gols nos quatro jogos que teve no mês de maio.

—Temos que manter nosso estilo de jogo, trabalhar a bola, ter paciência para rodar um pouco mais e criar para fazer gol. Temos que achar uma maneira de marcar— disse Brenner, que perdeu a melhor chance do jogo contra o América-MG, mas é o artilheiro da equipe no ano com oito gols.

Com Aguirre à disposição, Valentim ganha mais uma opção para montar seu ataque. Nos dois jogos que o uruguaio participou, ele ainda não teve uma atuação consistente, mas o atacante está recuperando a forma aos poucos depois de cinco meses sem poder jogar e deve seguir sendo aproveitado aos poucos. Além de Brenner, a outra opção é Kieza, que fez o gol da vitória no clássico contra o Fluminense e vem entrando nos jogos atuando aberto pelos lados.

Mais atrás, o Botafogo tem uma boa notícia: o retorno de Moisés. O lateral-esquerdo jogou pouco mais de dez minutos contra o América_MG, entrando no lugar de Gilson e deve recuperar o lugar no time titular assim que tiver condições de jogar 90 minutos. Antes de se machucar, na final do Campeonato Carioca, ele era um dos pontos fortes da equipe.

Valentim será julgado nesta terça

O treinador Alberto Valentim será julgado nesta terça-feira pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por conta da discussão que teve com o treinador Mano Menezes, em jogo contra o Cruzeiro, Em Belo Horizonte. A audiência está marcada para 14h. Se condenado, não será a primeira vez que Valentim vai ser punido pelo órgão. Quando ainda era auxiliar de Cuca, no Palmeiras, em 2016, ele pegou dois jogos de suspensão.

Na ocasião, Cuca e seus dois auxiliares, Valentim e Cuquinha, foram acusados de ter feito uso de equipamentos eletrônicos em jogo do Campeonato Brasileiro contra o Fluminense. Cuca cumpria suspensão automática por ter sido expulso na rodada anterior e se comunicava com os auxiliares que estavam na beira do campo com um rádio, pratica proibida.

Desta vez, Valentim foi denunciado pela confusão com Mano Menezes e o preparador de goleiros Robertinho no fim do jogo contra o Cruzeiro, em discussão que se alongou até o vestiário. Os dois integrantes da comissão técnica mineira também serão julgados, assim como o meia Rafinha, que indiciado por simulação.

Fonte: Extra Online