Nível dos reforços do Botafogo em 2023 vai depender dos próximos jogos

66 comentários

Blog do Mansell

Blog do Mansell

Compartilhe

Nível dos reforços do Botafogo em 2023 vai depender dos próximos jogos
Vítor Silva/Botafogo

Apesar de monitorar sempre o mercado, o Botafogo só vai começar a se posicionar sobre reforços quando o Brasileirão chegar ao fim. Entretanto uma coisa é possível afirmar: o nível desses reforços do Botafogo em 2023 vai depender do desempenho do time nas próximas partidas. São nove rodadas em que se manter na elite é tarefa que parece bem tranquila pela melhora da equipe. Mas só isso não garante nomes de ponta em 2023.

MAIS! Botafogo precisa entender que tem que mudar estilo em algumas ocasiões

Para conseguir atrair nomes realmente interessantes a vaga em uma competição continental é importante. E para quem despreza a Copa Sul-Americana dizendo que não é suficiente, ela é sim fundamental. Basta lembrar que Luís Suárez largou a Europa e voltou ao continente americano de olho no River Plate. Mas o fato de os argentinos terem sido eliminados da Copa Libertadores o fez acertar com o Nacional, que estava na Copa Sul-Americana.

MAIS! Mercado ainda não entendeu que Botafogo mudou

Reforços 2% sem vaga: tarefa difícil

Textor sonha com craques 2%: percentual de chances de serem contratados

O Botafogo pode ir além da Sul-Americana e isso é uma aposta da torcida por conta da melhora do time nos últimos jogos. A derrota para o Palmeiras não pode entrar nesta estatística pois o rival é o líder disparado do Brasileirão. A Libertadores é possível e ela com certeza abriria ainda mais portas. Ninguém está falando que não avançar para torneios continentais representará um time fraco. Mas dificilmente esse time terá estrelas.

MAIS! Com time em evolução, só resta questionar SAF

Cuiabá, Internacional, Bragantino e Atlético-MG são os jogos que restam em casa. Fazer os 12 pontos se tornaram obrigação e garantem praticamente a Sul-Americana. Mas dá para somar pontos contra o Fluminense, em campo neutro, e diante de Avaí, São Paulo, Atlético-MG, e Athletico Paranaense como visitantes. Esse somatório vai definir a sorte do time no Brasileirão e o nível dos reforços em 2023. Para ter os craques 2% que John Textor tanto sonha é preciso jogar mais do que Brasileiro, Copa do Brasil e Estadual.

Notícias relacionadas