John Textor vai ter que ser um misto de Emil Pinheiro e Bebeto de Freitas no Botafogo

91 comentários

Blog do Mansell

Blog do Mansell

Compartilhe

John Textor vai ter que ser um misto de Emil Pinheiro e Bebeto de Freitas no Botafogo

John Textor assumiu o controle do Botafogo e está fazendo o possível para fazer tudo dar certo. Ele é quem mais perde se tudo der errado. Assim é preciso apoiá-lo. Assim como Luís Castro e o processo de reconstrução do Glorioso. Mas falar é fácil. Difícil é ver o time perder para o Goiás e o Avaí em casa e jogando o que vimos, principalmente no segundo tempo dos jogos. Em um determinado momento do choque com os catarinenses me lembrei de como agiriam alguns dirigentes que passaram pelo clube. Textor vai ter que ser um misto de Emil Pinheiro e Bebeto de Freitas no Botafogo para fazer a coisa andar.

Emil Pinheiro abria o bolso sem pensar quando o assunto era reforçar o Botafogo. Queria de qualquer maneira dar um título ao clube e atender a um pedido do filho, que morreu em um acidente. Assim que Textor vai ter que agir nesta janela se não quiser colocar tudo a perder. A hora de abrir a carteira é essa. O dinheiro se recupera depois. Não dá é para achar que vai recuperar alguma coisa com o time correndo risco de cair.

MAIS! Bruma não parece uma boa opção no Botafogo

Certa vez conversando com o saudoso Bebeto de Freitas, ele me disse que após uma grande vitória do Botafogo assinava qualquer cheque sem pensar. No caso atual, após nova derrota, Textor deve apenas ignorar a questão do cheque, que não se usa mais. O pix é o melhor caminho. E olha que Bebeto foi um dos mais equilibrados dirigenbtes alvinegros quando o assunto era dinheiro.

MAIS! Acerto com Castro mostra caminho para Zahavi

Textor vai ter que abrir os cofres. Mas com ousadia

Bebeto de Freitas na eleição presidencial do Botafogo em 2014
Bebeto de Freitas fez história no Botafogo (Foto: Divulgação/Botafogo)

Textor precisa ser rápido no mercado apesar da janela só abrir em julho. Se Zahavi estiver em dúvida, Textor precisa convencê-lo o mais rapidamente possível. Ou buscar outro de mais peso. É preciso trazer logo meias que façam o time jogar. O sócio Luís Castro agradece. Até porque é ele quem está ouvindo as vaias todos os jogos.

MAIS! Janela vai definir rumo do Botafogo na temporada

Claro que falando de maneira bem mais séria, Textor vai precisar agir com inteligência na hora de colocar a mão no bolso. Mas se ele não ousar nesta janela pode colocar muita coisa a perder. Com alguns reforços qualificados a torcida voltará a ter paciência e as coisas vão começar a andar.

Fonte: Redação FogãoNET

Notícias relacionadas