Da ‘espanholização’ ao VAR… Botafogo muda discussão e diverte futebol no Brasil

73 comentários

Blog do Mansell

Blog do Mansell

Compartilhe

Da ‘espanholização’ ao VAR… Botafogo muda discussão e diverte futebol no Brasil
Vitor Silva/Botafogo

Está engraçado ver a discussão em torno do futebol brasileiro e seus rumos após o Botafogo contar com John Textor e voltar a ser um dos grandes protagonistas do futebol brasileiro. Estamos vendo discussões que pareciam mortas voltarem com força. Afinal de contas, quem estava levando a pior se cansou de apanhar e agora também quer dar as cartas.

Desde o começo deste século estamos falando de espanholização do futebol brasileiro. Algo que até a Espanha deixou de lado. Mas que no Brasil veio com grande força com o objetivo de deixar dois clubes em um patamar internacional e o resto brigando apenas por boas posições.

O Palmeiras foi o primeiro a se meter neste processo estragando parte da festa. Seria um Atlético de Madrid verde? Depois veio o Galo. E aí os candidatos a Real Madrid e Barcelona brasileiros perceberam que apenas cotas superiores de TV não poderiam garantir a hegemonia. Aí veio o Botafogo, comprado por um bilionário, e começou a dar cartas no mercado.

Dava risadas vendo a imprensa paulista primeiro garantindo que Luís Castro ia trabalhar lá pois o Botafogo não poderia competir com o Corinthians. Depois a mesma imprensa tentava de forma desesperada negar o chapéu dizendo que o foco era outro. “Castro nunca esteve nos planos…”

VAR não fez a sua parte…

John Textor e Luis Castro ajudam a mudar o Botafogo Foto: Vitor Silva/Botafogo

Enquanto isso, aqui no Rio de Janeiro, teve gente querendo discutir “fair Play” financeiro. Assunto proibido nos últimos anos no futebol carioca. Afinal, é saudável que não tenha desequilíbrio financeiro entre os clubes. Há Há Há.

Por fim vamos falar do VAR. Se a mão de Pedro no Carioca tivesse sido favorável ao Botafogo ia ter gente propondo cortar o braço do atacante. O gol de Gabigol no domingo virou símbolo da luta para mudança da regra do impedimento. Como assim o vídeo não fez o certo? Como assim o VAR não seguiu a lógica e marcou contra o Botafogo? Temos que mudar a regra. Tem algo errado no futebol brasileiro. Acho que não. Depois de muito tempo tem algo bem certo no futebol brasileiro. E esse algo é o crescimento do Botafogo. E olha que nem começamos a discutir cota de TV para valer. Nunca foi tão divertido.

Notícias relacionadas