Jogo contra Goiás vai obrigar Botafogo a provar duas coisas

25 comentários

Blog do Mansell

Blog do Mansell

Compartilhe

Jogo contra Goiás vai obrigar Botafogo a provar duas coisas
Vitor Silva/Botafogo

O jogo contra o Goiás é importante para o Botafogo por várias questões envolvendo o Brasileirão. Como, por exemplo, tentar encostar na área da Libertadores e entrar de vez na briga por um lugar no torneio continental. Algo fundamental para ter um timaço a partir de 2023. Além disso o time terá duas provas fundamentais neste duelo: mostrar que tem banco e que Luís Castro conseguiu aproveitar bem os dez dias sem jogos para dar um padrão melhor aso Glorioso.

MAIS! Mercado ainda não entendeu que Botafogo mudou

Castro sempre reclamou, e com razão, de que as cobranças não são proporcionais a um trabalho que sequer teve preparação antes do campeonato começar. Mas esses dez dias com certeza devem ter sido bem aproveitados, ainda mais porque o time já vem apresentando evolução. Mesmo que tímida.

Botafogo terá que pagar mais de 5 milhões de euros se quiser Paulinho

O treinador ganhou reforços até umas três ou quatro rodadas atrás e isso não é fácil. A torcida, em sua maioria, tem essa consciência. Mas a expectativa é de um time bem mais organizado no gramado da Serrinha.

Banco precisa mostrar força

Gabriel Pires, do Botafogo
Gabriel Pires terá grande chance no Botafogo

Outra questão importante será provar que tem banco de reservas. Lucas Fernandes e Eduardo não estão em ação. Isso é mais da metade do meio alvinegro, setor que é chave em qualquer tiume. Hora de mostrar que o banco realmente é forte. Gabriel Pires e Danilo Barbosa, por exemplo, podem ganhar a maior chance ate aqui.

MAIS! Com time em evolução, só resta criticar SAF

Outro setor em que o banco gera grande expectativa é o gol. Com Gatito Fernández servindo o Paraguai, Lucas Perri vai mostrar que pode ser a tão sonhada sombra do paraguaio. Há muito tempo uma estreia de goleiro não gera tanta expectativa. Há um sentimento interno de que o clube acertou em cheio na contratação do ex-arqueiro do Náutico. Potencial ele tem.

MAIS! Efeito Marçal deve ditar ritmo na próxima janela do Botafogo

Se passar por essas duas provas, mostrando a força do banco de reservas e uma melhora na organização e no padrão de jogo, o Botafogo pode sim se credenciar de uma vez por todas a coisas maiores na reta final do Brasileirão. Não tem monstro muito feio nessa competição.

Notícias relacionadas